Dakaretai Otoko-Ichii-ni Odosarete Imasu vol.3 quebra recorde

HISTÓRICO: Um mangá BL/Yaoi na Half-year list da Oricon

HISTÓRICO: Um mangá BL/Yaoi na Half-year list da Oricon

dakaretai otokoDakaretai Otoko-Ichii-ni Odosarete Imasu vol.3 quebra recorde
Aconteceu. O gênero BL está presente no cotidiano do mercado japonês já faz muitas décadas. Diversos sucessos surgiram nessa trajetória. Com passos humildes, mas firmes, o gênero foi se estabelecendo até se tornar presença garantida em pelo menos 40% das semanas da tabela mercadológica Oricon.
No entanto, o crescimento vertiginoso do gênero tornou-se notável nos últimos 4 anos. Em 2015, Ten Count de Rihito Takarai, ultrapassou a campeã quase ininterrupta desde 2004, Shungiku Nakamura (Junjou Romantica, Sekaiichi Hatsukoi entre outros), se tornando a segunda autora desde 2008 a vender em taxas de seis dígitos sem o efeito cauda-longa* (vendas “de grão-em-grão”). Em 2016, houve um salto de 25% no número de mangás rankeados em relação ao ano anterior, e nesse mesmo ano, Rihito bateu um recorde ainda não retirado: foi a primeira vez que um mangá BL/Yaoi, desde então, superou a marca dos seis dígitos em apenas uma semana!
10 countFoi então que no fim do ano, uma já famosa jovem mangaká surpreendeu: Sakurabi Hashigo entrou no hall de Nakamura e Takarai, colocando o seu ascendente Dakaretai Otoko-Ichii-ni Odosarete Imasu, a jóia da coroa da maior revista BL/Yaoi do Japão, a Be x Boy Magazine, na marca da centena de milhares de cópias. Até então, confirmadas a venda sem efeito cauda longa, Sakurabi estava em terceiro lugar (131 mil cópias) atrás de Nakamura (135 mil, com Sekaiichi Hatsukoi) e distante de Rihito (171 mil, com o quinto volume de Ten Count).
sekaiichiTudo mudou no dia 31 de abril de 2017. A Oricon Youtaiju liberou as vendas dos 100 volumes de mangás mais vendidos do período de Novembro de 2016 até maio de 2017. Na posição 76 dessa tabela, estava ali, com incríveis 243 mil cópias vendidas, o terceiro volume do mangá de Sakurabi. Um número tão expressivo que ficou acima de séries do gênero shounen muito célebres, tais como Noragami e o volume 58 da saga Fairy Tail. Um feito para não esquecer. Mas que serve de lembrete: se as vendas com cauda longa trouxeram a Dakaretai tamanho desempenho, imagine se Ten Count tivesse sido lançado na mesma época? Talvez tivéssemos um valor ainda mais expressivo.
É bem provável que na lista full-year não teremos um BL, pois seria necessário quase dobrar esses números, e o quarto volume de Dakaretai otoko, que foi lançado meses atrás, não teve a mesma força, e sem half-year list no segundo semestre (já será publicada em full), fica difícil imaginar Sekaiichi Hatsukoi ou TenCount ali, mas o que importa é: Não se pode mais ignorar que mesmo nicho, o gênero tem condições reais se destacar na linha de frente do mercado.
LINK PARA A NOTÍCIA: http://www.animenewsnetwork.com/news/2017-06-01/top-selling-manga-in-japan-by-volume-2017/.116863



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Calendário de posts

junho 2017
S T Q Q S S D
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Amazon Brasil

Lojas Online

Facebook

Twitter