O site que noticia tudo o que é yaoi!

De olho nos dramas: Tsubasa no Kakera e Unmei no Kodou

De olho nos dramas: Tsubasa no Kakera e Unmei no Kodou

Ren’ai Shindan é um drama japonês de 12 episódios que consiste de quatro histórias com diferentes tipos de amor proibido: Tsubasa no Kakera (Shattered Wings), Sayonara no Melody (Goodbye Melody), Seifuku no Ibu (Uniform Eve) e Unmei no Kodou (Throb of Fate). Todas as tramas envolvem drama e romance, mas nem todas são yaoi. Sayonara no Melody trata de uma relação incestuosa e Seifuku no Ibu trabalha com o romance yuri em uma escola só para meninas.

Infelizmente as histórias boys love são trágicas a sua maneira, mesmo que os protagonistas terminem “juntos”. Dessa forma, há uma boa dose de angústia, romance e drama nos três episódios de ambas microsséries. Eu discordo dessa opinião de que por ser um amor proibido ele não pode terminar feliz aos olhos de todos, pois acho que a felicidade não é um resultado a ser alcançado por conta das ações de uma pessoa ou suas escolhas. A felicidade é um estado de espírito e deve ser vivida como tal e por mais que um amor doa, a felicidade se desenha no amor correspondido.

Tsubasa no Kareka trata-se de um triângulo amoroso entre Tsubasa, Kain e Ryou (Leo) Kamigawa, que são estudantes de arte em uma universidade. O pai adotivo de Tsubasa era um artista famoso e por isso o rapaz sofre bullying na faculdade e é perseguido. Ele encontra refúgio no atelier onde Kain se encontra e se apaixona por ele, sem saber que o mesmo tem sentimentos por Ryou e cuida dele desde um acontecimento fatídico em seu passado.

Ryou por sua vez testemunha o bullying em Tsubasa e parece não fazer nada, mas logo é também perseguido pelo grupo e é ferido, sendo ajudado por Tsubasa e se apaixonando por ele. “Não há remédio para o amor, a não ser amar mais”, como diz a frase de início de cada episódio da série, e aparentemente é isso que Ryou faz mais e mais, dizendo que o cheiro de Tsubasa é o mesmo cheiro que ele sentia anteriormente. Os dois eventualmente ficam juntos, mas o ciúme de Kain acaba quase botando tudo a perder.

O enredo faz um paralelo com a história mitológica de Ícaro, filho de Dédalo e Náucrete (uma escrava de Perséfone). Ambos, pai e filho, são presos em um labirinto no qual Dédalo constrói asas com pena de gaivota e cera de mel para poderem fugir. Dédalo diz ao filho que não voe alto para não chegar muito perto do sol e não derreter a cera de abelha, ou não voar perto do mar, pois as asas ficariam muito pesadas. A referência é clara na primeira vez que Tsubasa encara uma escultura em forma de asas feita por Ryou, e por seu desejo de voar alto. A mitologia ainda é abordada várias vezes durante os três episódios.

Pode parecer que os acontecimentos são mal contados a princípio, mas não se engane, pois tudo vai ser explicado até o final. Nenhuma das cenas é em vão e elas vão se completando ao longo do desenrolar da história. Tsubasa no Kakera possui um enredo pesado, triste e trágico, mas que reflete bem três personagens que querem fugir de seu inferno pessoal e procuram uma segunda chance de serem felizes.

Unmei no Kodou conta a linda história de dois homens, Katsuragi Kei e Maki Kanade, que se encontram quando o primeiro está se afogando na piscina e é salvo pelo segundo. Devido a um inchaço que tem no cérebro, Kei perde a coordenação de seus movimentos e acaba se afogando, sendo prontamente salvo por Kanade.

Kei é filho de um famoso médico e quer ser cirurgião cardíaco, o que nesse enredo foi a ironia mais filha da mãe que eu já vi, já que descobre-se mais tarde que Kanade tem uma doença terminal no coração. Os dois vão se encontrando casualmente por onde andam até que Kanade convida Kei para comerem alguma coisa e ambos vão para a casa de Katsuragi, onde o romance começa. Nessa história vários paralelos também são feitos, mas em relação às passagens bíblicas do fruto proibido, Torre de Babel e a Arca de Noé. Apesar de saber que seu amor “era proibido” e que poderiam ser “expulsos do Eden”, Kei escolhe acreditar no amor deles e fugir do “Eden” com Kanade quando as circunstâncias se complicam para ambos.

A situação é toda muito complicada porque Kanade é internado no hospital onde Katsuragi trabalha, e a relação deste com o paciente, mesmo que não seja um paciente dele, e uma atitude errada de Kei fazem com que o médico seja um alvo ainda mais fácil de pessoas que querem destruí-lo dentro do hospital. Para que Kanade tenha o tratamento necessário, Kei decide se afastar e diz coisas muito ruins para o namorado. Contudo, Maki acaba descobrindo que Kei está fazendo isso para protegê-lo e decide ajudá-lo também, quando é intimidado pelo diretor do hospital a contar qual a relação que tem com Kei.

A história se encaminha para um fim dramático, porém um dos mais bonitos que já vi em todas essas séries que parecem não ter final feliz. O casal termina junto, de uma forma um pouco diferente, e talvez não da forma que Kanade e Kei gostariam. Mas terminam junto e não, eu não vou contar o final!

Se vocês quiserem assistir, Tsubasa no Kakera está disponível no YouTube com legenda em português (nós disponibilizamos o link no Dia Nacional do Yaoi). Já Unmei no Kodou também pode ser visto no YouTube, mas com legendas em inglês.

Happy YaoiDay, everyone!!! :D



Sobre Shin

Shin-chan tem 25 anos, mora no Rio de Janeiro e é apaixonada por quadrinhos e livros, lendo quase tudo a sua frente. Sua coleção aumenta a cada dia (para o desespero de seus pais) e ela já dorme em cima de seus quadrinhos. Shin-chan está no último período de Engenharia Química na UFRJ e deseja muito se formar... se a greve deixar... Além disso tudo, ela ainda encontra tempo para seriados e amigos. O segredo dela: um vira-tempo. Ver todos os tópicos de Shin

1 Comentário a De olho nos dramas: Tsubasa no Kakera e Unmei no Kodou

  1. jessica

    AH!! eu ja assisti tsubasa no kakera,muito bom e tbm muito triste,uma história interessante,tanto q eu vi os 3 episódios no msm dia….vale a pena,quem ainda ñ viu eu recomendo!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Calendário de posts

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul   set »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Amazon Brasil

Lojas Online

Facebook

Twitter