O site que noticia tudo o que é yaoi!

50×50

50x50

Kawanishi Wataru e Higashino Shuzou se conhecem desde a época do colégio, trabalham na mesma empresa e são mulherengos assumidos: o primeiro a-do-ra mulheres com peitos grandes, enquanto o segundo é obcecado por um belo par de pernas e pés. Até o dia que ambos levam um fora de suas respectivas namoradas e resolvem chorar as mágoas juntos… E acabam dormindo juntos!  Depois disso, ambos conversam e decidem fingir que essa noite nunca existiu e resolvem voltar as suas vidas de garanhões o mais rápido possível, mas será que conseguem?

A história do mangá, que tem somente um volume, vai acompanhando Wataru e Shuzou nas suas tentativas de conquistar mulheres belas – adoro as personagens femininas porque são diferentes e com personalidades distintas, sugiro ao leitor(a) que preste atenção nelas – e ao mesmo o tempo o conflito que sentem, pelo menos no caso do Shuzou, ao pensar que talvez sejam gays.

Um fato que eu gosto muito nessa mangaká é como ela consegue pegar enredos clichês e transformá-los em algo um pouco diferente do que nos acostumamos a ver em obras desse gênero. Em 50×50 o que impera é a comédia e TUDO é engraçado: os personagens principais, os foras (são uma das melhores partes), os encontros, as mulheres que eles (tentam) pegar, o casal enchendo a cara no bar, a manhã seguinte após terem enchido a cara no bar… Tudo nesse mangá é feito com a intenção de fazer você chorar de tanto rir.

Existe uma característica nesse mangá que difere de outras obras da mesma autora que é o detalhe de que não é possível definir quem é seme ou uke do relacionamento.  Como (muito infelizmente) não mostram as cenas de sexo, só sobra a quem lê tentar adivinhar, mas o que fazer quando ambos tem personalidades tão peculiares? Wataru é um ser alegre, engraçado, que adora peitos, mas é um péssimo bêbado e é impulsivo e tem hábitos de higiene que podem ser considerados femininos, e Shizou é mais reservado e discreto, totalmente sério com relação ao seu fetiche por pernas e pés, mas sofre do hábito de cuidar dos outros – culpa do Wataru – e é meio tsundere. Eu gosto de pensar que eles trocam as posições, mas isso vai da interpretação de cada um.

A única crítica que posso fazer a 50×50 seria ao tamanho da história, que é pequena e deixa muita coisa em aberto, ao mesmo que deixa claro que os rumos que serão tomados. Daria tudo para ver pelo menos uma nova oneshot desses dois playboys, porque é uma história que marca por seu caráter singular. Eu desafio você – leitor(a) – a ler esse mangá e não terminá-lo com um sorriso no rosto.



Sobre Pachi

22 anos. Dona de imensos 1,55m. Gosta de música oriental, ocidental e acidental. Viciada em BL, twitter e coca-cola. Sonha em ser editora. @dopocoke Ver todos os tópicos de Pachi

4 Comentários a 50×50

  1. PedroYukari

    Achei bem interessante essa dica Pachi! O casal desse mangá é bem sensual hein? De cara simpatizei mais com o Shuzou (caso este seja o moreno) pela personalidade retratada nesta resenha e a combinação moreno + óculos. Realmente é uma pena a estória não passar de 1 volume. Pelo o que li aí parece que, pelo menos uns 3 volumes seria o ideal…
    Valeu pela dica!

    • pachianarchy

      Obrigada, fico feliz que tenha gostado!

      Os dois são lindos e irresistíveis, isso você pode ter certeza ;D

      Eu gosto mais do Wataru por causa da personalidade dele, totalmente whatever xD

      É uma pena mesmo ;_; Dava pra esticar muito mais a história, então ainda tenho a esperança de que ela faça um extra deles >_____< O mangá não é ruim, muito pelo contrário, mas deixa aquele gostinho amargo de 'quero mais', entende?

      Mas mesmo assim continua sendo meu mangá favorito dela, junto com future lovers <3

      • tanko

        Eu gosto muito deste mangá, é tão divertido. Acho que o traço da sensei se supera neste volume. O desenho das mulheres é um show à parte.

        Espero que um dia ela o retome.

        Gosto do casal, embora muita gente reclame que eles ficam "fazendo a mesma coisa toda hora", eu não consegui achar repetitivo!

        Eu acho que o moreno lembra um pouco meu noivo, pena que o cabelo dele não fique assim, chuinf. Preciso arrumar uma camisa de gola rolê para ele. XD

  2. "Um fato que eu gosto muito nessa mangaká é como ela consegue pegar enredos clichês e transformá-los em algo um pouco diferente do que nos acostumamos a ver em obras desse gênero."
    Beeeeeeeem isso. Acho que ela meio que faz isso sempre, então, os mangás dela são sempre surpreendentes e interessantes, mesmo quando os clichês estão lá.
    Eu concordo com o Pedro que uns 3 volumes de mangá seriam bem vindos. Mazenfim, né? Quem sabe um dia ela faz o que fez com Future Lovers e lança outro mangá que seja uma sequência?
    My recent post Photo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Calendário de posts

janeiro 2012
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Amazon Brasil

Lojas Online

Facebook

Twitter