O site que noticia tudo o que é yaoi!

Café Latte Rhapsody

Café Latte Rhapsody

Caso alguém não tenha notado, minhas últimas resenhas foram sobre os meus mangás favoritos da mangaka Toko Kawai. E encerro hoje com Café Latte Rhapsody!

Se eu tivesse que escolher uma palavra pra definir este mangá seria: FOFURA… Ou um adjetivo igualmente fofo! A própria autora assume no freetalk que seu objetivo ao criar esta história era justamente mostrar um casalzinho fofo e apaixonado. Então, se você não gosta de romances açucarados, talvez esse não seja o ideal… Mas se você, assim como eu, adora uma coisa (e desculpa o termo super otaku) kawaii ao extremo, vai amar!!

A doçura já começa pelo título: Rapsódia do Café com Leite. Traduzido fica meio estranho, ne? Mas faz um certo sentido, já que a bebida está presente em vários momentos da trama.

Resumindo: Hajime Serizawa é um jovem de 23 anos que trabalha em uma livraria. Enquanto procurava um livro, acaba se encontrando com um rapaz muito alto e de expressão assustadora! O “gigante” começa a frequentar mais a livraria e Hajime passa a prestar atenção em seus modos, o que faz sua impressão sobre ele mudar,  já que o outro se mostra um jovem retraído e desajeitado.

Numa tarde, na saída do trabalho, Hajime vê o rapaz alto entrando num beco e, curioso, vai atrás dele. Para surpresa dos dois, eles encontram dois filhotinhos de gato abandonados na chuva (ahh, típico de mangá shojo… XD) e isso os aproxima ainda mais. Hajime finalmente descobre o nome do rapaz mais novo, Keito Tsuda McCloud, e também que sua aparência exótica é por causa de sua etnia mista. Keito é meigo e tímido, daqueles que nunca machucaria uma mosca, mas tem dificuldade em falar com os outros, que sempre se assustam com seu jeito solitário e sua altura.

Os dois começam uma amizade e vão se conhecendo melhor; suas conversas quase sempre regadas a deliciosos cafés com leite. Keito se mostra tão fofo quantos os filhotinhos de gato e Hajime acaba se apegando muito a seu jeitinho infantil. Com o passar do tempo, cada um vai tentando vencer suas incertezas e inseguranças e é claro que, sendo um mangá ultra-mega-super-fofo, tudo acaba bem!

É uma história relaxante, adorável e divertida que eu gostei muito mesmo de ter lido!! E nunca usei tanto a palavra “fofo” como agora!

E espero que com essas minhas resenhas meio capengas eu tenha conseguido com que pelo menos uma pessoa tenha lido algum dos mangás da Kawai-sensei! Porque eles valem muito a pena!!! ^^



Sobre Anna

Fã de yaoi desde 2004 e compradora compulsiva de mangás! Ver todos os tópicos de Anna

10 Comentários a Café Latte Rhapsody

  1. P. Pirrip

    AWN! Um dos meus favoritos e de fato um MUST READ!

    Adorável ao extremo~

  2. J_chan

    Wahahahha!
    a palavra fofo já diz tudo XD
    Um dos meus mangas favoritos, muito bom pra relaxar depois de uma semana estressante.
    E muito bom para os que estão entrando no maravilhoso mundo yaoi *—-*

  3. Sinthia

    Deve ser um mangá muito lindo S2
    A história é tão fofa, queria muito ler ^^
    Adoro romances açucarados.

  4. Xeretinha

    Qualquer mangá de Toko Kawai é fofo. São agradáveis de ler e com estórias de fácil entendimento. :)

  5. Anna, tenho um carinho muito especial por esse mangá! É que eu tinha anos atrás um costume tonto de ler só mangás BL já bem famosos, séries populares – por alguma razão imaginava que isso era uma garantia de que a coisa seria boa. A primeira vez que resolvi tomar vergonha na cara, deixar de ser besta e experimentar ler coisas diferentes, foi com Caffè Latte Rhapsody! Acho que gostei do título e decidi ler. Como você disse, é pura FOFURA – tipo, realmente não tem definição melhor, huahah. É uma trama tão simples, sem nada muito grandioso, mas consegue ser uma leitura tão gostosinha, até relaxante… e eu adoro o lance do universo cor de café-com-leite. (na última página do segundo capítulo tem uma xícara de caffè latte com estrelas na fumacinha, aquela imagem pra mim é a definição de adorável, hahaha.)

  6. Sarah

    Hahaha, "fofura" é a descrição perfeita pra esse mangá.

  7. LiNest

    Sinceramente, Cafe Lattle Rhapsody é um mangá que adoro demais, eu li ele em espanhol antes de encontrar em português e não adianta quantas vezes eu leia, o mangá só me cativa mais e mais. Como você disse, é um história fofa e doce e é muito relaxante, é o tipo de mangá que você lê para não se sentir cética com coisas adoraveis, tipo, depois de ler um Under Grand Hotel da vida sabe? Eu amo demais o Keito, eu adoro garoto doces como ele e, sério, semes como ele seriam os tipos que mais me fazem torcer durante o BL, sou do tipo que prefiro semes fofos, que choram e que são inseguros, não os que precisam mostrar força 99% do mangá ¬¬

    • Semes fofos!!! Adoro tb!! Quando eles coram fica muito mais adorável e verdadeiro do que aquele tipo de uke 'menininha'. Deviam ter mais histórias assim ahahahaaha *___*~~

  8. it's #fofurapower!!! Adoro essa manga-ka! ainda não tinha lido esse mangá, mas lerei tão cedo quanto possível! e eu ADORO semes sem-jeito, tímidos, retraídos, p0uros, inocentes….. *-*~~

  9. Vampaya

    Realmente é muito lindinho esse mangá *3* Também adorei ler!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Calendário de posts

maio 2011
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Amazon Brasil

Lojas Online

Facebook

Twitter